Usuários do CAPS aprendem sobre a Lei Maria da Penha

17 de março de 2017

Fotos: Anderson Souza / SECOM Gravatá

O Centro de Atenção Psicossocial – CAPS realizou um encontro para apresentar aos usuários do programa uma palestra sobre Violência Contra a Mulher.

A advogada Bárbara Lira, que trabalha no CREAS, falou sobre a Lei Maria da Penha, ouviu relatos e aconselhou os usuários que participaram ativamente.

“A receptividade foi bem positiva, tanto na questão de carinho quanto de aprendizagem, eles interagiram, se mostraram realmente propensos a receber as informações.”

A Coordenadora de Saúde Mental, Emanoela Lopes, falou sobre a integração do CAPS com outros programas sociais.

“A ideia é que possamos sempre trabalhar em rede, porque sozinho, dispositivo nenhum vai dar conta de tudo, e a ideia de achar que saúde mental só se trata no CAPS e com medicamentos deve ser desconstruída, precisamos trabalhar cidadania, direitos e deveres, o CREAS”

 

Severina Ferreira “Nina” contou que já sofreu violência, anos atrás, e que com a palestra aprendeu como agir e como o Estado pode defendê-la do agressor.

“Quando aconteceu comigo eu não soube o que fazer, graças a Deus hoje tá tudo tranquilo, mas se um dia voltar a acontecer, vou correr pra delegacia”

Outras ações que integram o CAPS e CREAS estão sendo articuladas.

Last modified: 17 de março de 2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *