Seguindo orientações do Ministério Público, prefeitura suspende fogueiras durante período junino

8 de junho de 2020

Foto: Arquivo SECOM Gravatá

Neste ano, devido à pandemia da Covid-19, o período junino em Gravatá não contará com a tradição das fogueiras. A Prefeitura, seguindo recomendação do Ministério Público, proíbe a população de acender fogueiras como medida de enfrentamento ao novo Coronavírus.

A decisão foi acertada durante reunião do Prefeito Joaquim Neto com a Secretaria Municipal de Saúde, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Ministério Público. A medida foi tomada devido à ocorrência da fumaça e o cheiro de combustão, que podem ser nocivos ao sistema respiratório e agravar o quadro clínico dos pacientes com a covid-19.

“Recebemos muitos pedidos da população através das nossas redes sociais pedindo a proibição das fogueiras e estamos tomando esta decisão pensando na saúde pública. Sei que essa é uma tradição de gerações, mas cuidar da nossa saúde é mais importante agora, ano que vem vamos ter muito o que celebrar ”, falou o prefeito Joaquim Neto.

 

“A proibição das fogueiras no período junino é para a proteção da população, tanto para quem está se recuperando do novo coronavírus quanto para quem tem outras comorbidades respiratórias. É uma medida importante que debatemos coletivamente e vimos que é o melhor a ser feito neste momento”, disse o Ten Cel Fernandes, comandante do 1º grupamento dos Bombeiros, em Vitória de Sto Antão.

 

“A Polícia Militar apoia esta medida para que possamos vencer este vírus. Iremos atuar na fiscalização e pedimos à população que colabore e tenha consciência para que não sejam necessárias intervenções. É um momento de pensar no bem estar do outro”, falou o comandante da 5ª CIPM, Ten Cel Fábio Batista.

Todas as festividades também foram suspensas no município e a prefeitura solicita a colaboração da população para que não realize aglomeração de mais de 10 pessoas em suas residências.

Last modified: 8 de junho de 2020

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Skip to content