Secretários de Defesa Social e Desenvolvimento Econômico participam de debate acerca da Segurança Pública no comércio de Gravatá

6 de abril de 2017

Fotos: Allan Torres / SECOM Gravatá

A Câmara dos Dirigentes Logistas (CDL) reuniu-se na noite desta quarta (5) com representantes das Polícias Militar, Civil e Guarda Municipal para debater a segurança pública no comércio de Gravatá.

Os comerciantes presentes tiraram suas dúvidas e deram sugestões para melhorar o desempenho dos órgãos de segurança. Um dos maiores problemas enfrentados pela Polícia em Gravatá é a falta de registro de ocorrências, o que dificulta um mapeamento das áreas que mais precisam de vigilância devido ao fluxo de criminalidade.

“O que mais impressiona é a baixa quantidade de Boletins de Ocorrência registrados, precisamos ter esses dados para atuar com maior eficácia, a população tem um importante papel no combate à criminalidade, ela precisa atuar em sincronia conosco.” Disse a Delegada da Polícia Civil Drª Danúbia Andrade.

 

“Gravatá estava largada, a mudança só vem com o tempo, se analisarmos as estatísticas veremos que as coisas estão aos poucos melhorando, mas as pessoas buscam muito o imediatismo querem que tudo se resolva na hora. Precisei da Polícia duas vezes e em ambas fui muito bem atendida.” Disse a empresária Andreia Julyenne.

A integração da Guarda Municipal com as Polícias Militar e Civil já está surtindo efeito positivo.

“Temos atualmente 76 Guardas Municipais e estamos trabalhando em parceria com as Policias Militar e Civil. A pedido do Prefeito Joaquim Neto estamos aqui para nos colocar à disposição da sociedade para dar suporte e oferecer condições atendendo no que for necessário.Temos feito fragrantes e encaminhado os suspeitos à delegacia, está sendo executado um trabalho em equipe.” Afirmou o secretário de Defesa Social, Dr. Pedrosa.

A Presidente da CDL Valéria Bezerra classificou como positiva a reunião e convocou todos a informar aos colegas.

“Infelizmente nem todos puderam estar presentes, mas o que pudemos ver aqui é que os órgãos estão trabalhando no combate à criminalidade e nosso dever como cidadão é ajudar as equipes no cumprimento de sua função. Precisamos sair daqui como multiplicadores e informar para a população como agir para ajudar a trazer a paz à Gravatá.” Afirmou.

Grupos nas redes sociais estão aproximando os comerciantes dos agentes policiais, o que agiliza o trabalho e propicia maior segurança. O site da SDS (Secretaria de Defesa Social) também disponibiliza de um atendimento online, policiais de plantão realizam atendimento, registram BO’s sobre crimes em que não ocorrem violência, mantendo o sigilo da identidade do denunciante.

Na semana passada, o prefeito Joaquim Neto cobrou do Governo de Pernambuco melhorias na segurança pública de Gravatá, solicitando aumento no coorporativo e viaturas.

Last modified: 6 de abril de 2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *