Secretaria da Mulher de Gravatá se reúne com o grupo Mães do Sol no bairro do Cruzeiro

19 de janeiro de 2021

Durante o encontro foi mostrado apoio às mães e destaque do dia Internacional da Mulher

Nesta terça-feira (19), a secretária da Mulher, Ester Melo e as executivas Maria Nascimento e Macione Baroni, proporcionaram a primeira visita ao grupo Mães do Sol, na sede do GAMR, no Polo Cultural do Cruzeiro. Na ocasião, também esteve presente o diretor pedagógico do GAMR, Edson Oliveira.

A reunião teve como objetivo principal abrir um canal de escuta para as mulheres da comunidade e dar o suporte necessário através da equipe formada por psicólogo e advogado para que possam decidir o que será realizado, em conjunto, em benefício às mães.

Ester Melo, secretária da Mulher, destacou a ida ao espaço para desenvolver uma ação para o Dia Internacional da Mulher (celebrado em 08 de março).  “É uma data, apesar de outras tantas, de grande destaque pois as mulheres estão no centro da discussão. Quero inovar e iniciar na periferia, por isso foi pensado no GAMR, pela estrutura que oferece”.

O diretor pedagógico do GAMR, Edson, expôs seu apoio e ressaltou: “Estou muito feliz com esse encontro e com as pessoas que estão compondo o time. Vamos trabalhar juntos. Estamos de portas abertas para receber todas”.

Outro ponto abordado foi trazer cursos e palestras de autoestima para dar forças a essas mulheres e mostrar a capacidade que cada uma tem. Atualmente são 12 mulheres (mães) que participam do grupo Mães do Sol.

Cícera de Carvalho, agricultora, destaca a importância do grupo na vida das mulheres. “É maravilhoso porque quando precisamos de ajuda nos reunimos, falamos com as meninas. A gente se ajuda e se apoia”.

Dando seguimento aos encontros, a tarde foi a vez da secretaria da Mulher visitar a Associação Luterana Pró Desenvolvimento e Universalização de Direitos Sociais (Pro Ludus) que é uma organização que trabalha com crianças e adolescentes, e também com grupos de mulheres desde 2017.

A organizadora do grupo de mulheres e voluntária, Maria Soares, enaltece que a presença da secretaria da Mulher é de suma importância para toda a comunidade. “As mulheres precisam muito desse apoio e ponte para que possa ser trabalhado a violência doméstica, a evolução e transformação”, concluiu.

Fotos: Anderson Souza (SECOM)

 

Last modified: 19 de janeiro de 2021

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Skip to content