Secretaria de Assistência Social Promove curso de culinária junina para o público atendido pelos CRAS e Programa Criança Feliz  

27 de maio de 2019

Fotos: Ricardo Labastier/ SECOM- Gravatá

A Prefeitura de Gravatá, através da Secretaria de Assistência Social e Juventude, está promovendo um curso de culinária de comidas típicas do período junino para as pessoas que são atendidas pelos Centros de Referência em Assistência Social – (CRAS) e pelo Programa Criança Feliz. O curso, que teve início nesta segunda-feira (27) e que seguirá até a sexta (31), está acontecendo no CRAS 3, localizado no bairro do CAIC e no CRAS 1, na rua 1º de Janeiro, das 8h às 17h.

O objetivo é oportunizar a geração de renda para as famílias atendidas pelos centros nesse período do ano. No curso, os alunos irão aprender a preparar diversos tipos de pratos, como bolos, canjica, pamonha, além de doces e salgados de milho, por exemplo. 


“Esta é uma forma de capacitar famílias para terem renda trabalhando em casa. Agora, com a chegada do São João, a procura por esses pratos aumentam muito. Além de terem um momento de aprendizagem, eles vão poder aumentar suas rendas nessa época,” disse Ana Lourdes, Secretária de Assistência Social e Juventude.


“O foco do curso é o empreendedorismo. Além de ensinar a parte prática das receitas, vamos introduzir questões básicas de marketing pessoal, como os quesitos relacionados à divulgação e apresentação do produto. Isso, além de empoderar as mulheres que estão em casa e não têm como sair por conta dos filhos, ou, simplesmente, porque estão desempregadas, poderão trabalhar gerando renda dentro de seus próprios lares,” completou a a professora do curso de bolos, Marcely Teixeira.

Josilene Maria, que participa do Programa Criança Feliz, falou de suas expectativas para com as aulas.


“Adoro cozinhar e essa oficina vai ser muito boa pra aprimorar as comidas juninas que eu já sei fazer. Além disso, eu vou poder ganhar dinheiro nessas épocas. Estou muito ansiosa pra começar a colocar tudo o que eu vou aprender aqui em prática,” falou.

A abertura oficial do curso aconteceu pela manhã no Círculo Operário, no bairro do Centro e, na ocasião, foi apresentada uma peça teatral que abordou a temática do combate ao abuso sexual infantil. A encenação foi feita pelos próprios oficineiros do Criança Feliz e é um exemplo dos trabalhos sociais que são desenvolvidos pelo programa que atende famílias em situação de vulnerabilidade social.

Last modified: 27 de maio de 2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Skip to content