Saneamento Básico: Serviço continua nas ruas de Gravatá

15 de agosto de 2017

Fotos: Anderson Souza / SECOM Gravatá

A Secretaria de Infraestrutura continua a trabalhar na restauração do saneamento básico do município.

Na semana passada, a rua Laurindo Gomes, conhecida popularmente como rua do Castelinho, teve a tubulação trocada e a pavimentação reconstruída, o que segundo Helena Maria, moradora há 40 anos, já vem trazendo tranquilidade e melhorias no dia a dia da população.

“Eu presenciei dois acidentes aqui na rua, onde as vítimas acabaram se machucando e caindo no esgoto a céu aberto. Agora temos mais segurança e o cheiro melhorou bastante, estou muito satisfeita com o resultado, o descaso aqui já acontecia há uns dois anos.” Disse.

O serviço está sendo estendido para ruas adjacentes, como é o caso da Pe Cícero, onde mais de 160 metros de tubulação estão sendo trocados, serviço que está deixando os moradores muito felizes.

“Tenho 70 anos, e possuo problemas de saúde que são agravados devido a situação em que a rua estava, sempre que vinham ajeitar o esgoto aqui, faziam um serviço mal feito que com três dias estourava de novo, agora vejo que é diferente, estão abrindo a rua e trocando todos os canos, fico feliz demais em saber que vai resolver nossa situação.” Afirmou Severino Sebastião, aposentado.

 

No Bairro Novo, os serviços também estão sendo realizados. Na rua Rigoberto Campos, o canal está recebendo tratamento, a tubulação será trocada e o canal será fechado com muro de arrimo e placas de concreto. Um outro problema enfrentado pela população é a passagem que liga a rua Rigoberto à rua Luiz Gonçalves, que atualmente está intransitável por veículos.

“Os moradores fizeram essa ponte improvisada, mas é perigoso demais, sempre que minha mãe vai passar alguém tem que atravessar com ela. Muita gente passa por aqui diariamente, e com a passagem feita, vai melhorar 100%.” Disse Josué Sabino da Silva, porteiro.

A previsão é que no máximo em 60 dias a obra esteja concluída.

Last modified: 15 de agosto de 2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *