Projeto de Encadeamento Produtivo das Empresas Transformadoras de Farinha de Trigo é oferecido para empresários gravataenses

15 de março de 2017

Fotos: Anderson Souza / SECOM Gravatá

Na noite da última terça (14) a Secretaria de Desenvolvimento Econômico reuniu empresários gravataenses que trabalham no segmento de panificadoras, pizzarias e lanchonetes que utilizam a farinha de trigo como um de seus principais ingredientes na produção de seus alimentos.

O Projeto de Encadeamento Produtivo das Empresas Transformadoras de Farinha de Trigo, que está sendo implementado em Gravatá através de uma parceria entre a Prefeitura, o SEBRAE e o Moinho Dias Branco, irá beneficiar o Microempreendedor Individual (MEI), Microempresas (ME) e Empresas de Pequeno Porte (EPP) que desejam aumentar a produtividade e inovação em seus negócios.

O Coordenador do Projeto, Francisco Braga, explicou aos empresários como serão realizadas as ações e a finalidade do projeto.

“Vamos mapear e diagnosticar as empresas e elaborar planos de ação, através de consultorias, avaliações e capacitações iremos orientar o empreendedor a melhorar a gestão, competitividade e ampliar os negócios.” Disse Francisco.

 
Consultorias, oficinas, palestras e seminários fazem parte do cronograma do projeto que o prefeito Joaquim Neto apoia e intitula como “sucesso garantido”.

“Quando temos a oportunidade de ter dois parceiros como o SEBRAE e o M. DIAS BRANCO não tem como dar errado, precisamos abraçar o projeto e aproveitar.” Afirmou o prefeito.

 

O empresário gravataense, Lenildo Silva, contou que busca sempre capacitação para gerir o seu negócio.

“Procurar capacitações ajuda em todo e qualquer negócio e sempre que posso busco participar de feiras, conversas, palestras, reuniões, isso tem me ajudado bastante.” Disse.

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico está cadastrando as empresas que possuem interesse em participar do Projeto, os interessados devem ir à sede da secretaria, no primeiro andar do prédio da Secretaria de Finanças, em frente a Praça da Igreja Matriz, no Centro, ou ligar para o número 3563 9004.

Last modified: 15 de março de 2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *