Professores da rede municipal visitam reserva Jussará nesta quarta-feira (03)

3 de abril de 2019

Foto: SECOM Gravatá

A Secretaria de Educação, em parceria com a Secretaria de Meio Ambiente, promoveu,  na manhã desta quarta-feira (03), uma excursão com professores da rede municipal de ensino para a Reserva Ecológica Jussará, localizada no distrito de São Severino.

A visitação fez parte do projeto “Cumade Fulozinha”, que visa a realização de ações que promovam o sentimento de valorização e preservação da fauna e da flora gravataense, através de projetos pedagógicos entre professores e estudantes. O projeto tem esse nome, porque, segundo a lenda, o espírito de “Cumade Fulozinha” defende a flora e esse é o principal intuito do projeto.

O professor das disciplinas de ciências e turismo da Escola Cônego Eugênio Villa Nova, José Héliton, participou do passeio e comentou como irá levar o que aprendeu para a sala de aula.

“Esse tipo de passeio é muito enriquecedor, pois podemos ver de perto tudo o que vemos nos livros. É uma experiência inesquecível. Pretendo fazer um vídeo com as fotos que tirei e mostrar aos meus alunos o quanto nossa cidade é rica em fauna e flora”.

A excursão foi organizada pela Diretora de Ensino, Alexsandra Mary e pelo Supervisor Ambiental, Mário Alves, que apresentou toda a reserva para os professores e abordou diversos temas durante a caminhada, como o ecossistema gravataense e a conscientização de estudantes sobre a preservação da natureza, aliada às histórias e contos populares da região.

Mário Alves explicou como teve a ideia de levar os professores para conhecer a reserva e comentou sobre a importância de se desenvolver projetos que estimulem a preservação do meio ambiente.

“É importante que a educação ambiental passe por um processo dinâmico e de interação entre educadores, estudantes e o próprio espaço natural. Por isso, decidimos trazer os educadores para conhecer esse espaço tão belo. Temos o objetivo de mostrar que Gravatá tem boas coisas para apreciarmos e a natureza é uma delas. O projeto ainda promoverá outras visitações, tanto com professores, quanto com alunos em outros momentos”.

 

 

Last modified: 4 de abril de 2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Skip to content