Prefeito Joaquim Neto inaugura Nova Sala de Atendimento Educacional Especializado na Escola Irmã Judith

16 de abril de 2019

Fotos: Ricardo Labastier/ SECOM Gravatá

Na tarde desta terça-feira (16), o prefeito Joaquim Neto inaugurou uma sala de recursos multifuncionais na Escola Irmã Judith Ferreira Leite, localizada no bairro Novo. O espaço, com o auxílio de profissionais capacitados, irá oferecer atividades pedagógicas especializadas para os estudantes da instituição que apresentem algum tipo de deficiência, transtorno global do desenvolvimento ou dificuldades de aprendizagem.

“A inclusão social é uma das metas desta gestão. Estamos sempre buscando incluir todos os estudantes e mostrar que as dificuldades que eles enfrentam no dia a dia não são suficientes para impedir que eles aprendam. A inauguração dessa nova sala é um grande passo para garantir essa inclusão aqui no bairro Novo,” registrou o Prefeito Joaquim Neto, que fez questão de acompanhar toda a inauguração.

Ao todo, a sala irá beneficiar, inicialmente, 56 crianças e um adulto, matriculados na escola. No total, já são 12 salas de recursos multifuncionais distribuídas em toda a rede municipal de ensino. A Diretora do Núcleo de Apoio Educacional Especializado (NAEE), Simone Rocha, comentou sobre a importância desta sala nas escolas.

“Não podemos deixar nenhum aluno para trás. É importante que todos sejam incluídos e tenham um bom desempenho educacional. Esse é um dos objetivos dessa sala”.

 

A professora Joselma Maria, uma das profissionais que atuará nos serviços de atendimento especializado na instituição, comenta como serão as atividades desenvolvidas com os estudantes nesse novo espaço.

“Nós somos capacitados para desenvolver atividades diferenciadas e que ajudarão a despertar o interesse do aluno. Trabalhamos a cognição, os aspectos emocionais e sociais do jovem, em um trabalho multidisciplinar, com o auxílio de profissionais de outras áreas através, inclusive. Nessa sala, dispomos de jogos e instrumentos que adaptam as lições para cada estudante”.

As salas de recursos multifuncionais fazem parte do programa do Atendimento Educacional Especializado (AEE). Através de uma equipe de profissionais especializados, como professores, psicopedagogos, psicólogos e intérpretes de libras, por exemplo, que dispõem de instrumentos e aparelhagem técnica adaptados, é promovido aos estudantes com deficiência e dificuldades na aprendizagem, atividades que ajudem a desenvolver os seus desempenhos escolares no horário do contraturno.

“É fundamental que as crianças e jovens que apresentam limitações específicas tenham acesso às condições necessárias para que tenham a possibilidade de também ter sucesso em suas vidas escolares. Quando disponibilizamos uma sala de recursos multifuncionais, nós estamos dando a esses alunos a condição de igualdade de direitos para a inserção no mundo do conhecimento,” registrou a Secretária de Educação, Iris Dias.

Last modified: 16 de abril de 2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Skip to content