Prefeito Joaquim Neto acompanha processo de ampliação do aterro sanitário nesta quarta (30)

30 de outubro de 2019

Foto: Ricardo Labastier/ SECOM Gravatá

Na manhã desta quarta-feira (30), o Prefeito Joaquim Neto, acompanhado do Secretário de Infraestrutura, Euclides Gomes, e do engenheiro ambiental do município, Emerson Willia, acompanhou o trabalho de ampliação do aterro sanitário da cidade. As obras, que tiveram início no mês de junho, com previsão de término já para dezembro, compreendem a construção de mais uma célula de um hectare e de uma nova lagoa de acumulação de chorume, com capacidade para dois mil e 200 metros cúbicos. Depois da conclusão do serviço, o município ampliará sua extensão de aterramento do lixo até o ano de 2024.

“Esse projeto de ampliação permite que Gravatá suporte a quantidade de resíduos sólidos por um tempo maior. O aterro, que foi construído durante a minha gestão, em 2002, tinha uma vida útil de dez anos. Quando reassumimos a prefeitura em 2017, fizemos um projeto de expansão física do espaço e, hoje, através da execução desse projeto, temos a certeza de que a cidade não terá problemas no processo de descarte e de armazenamento do lixo, até a construção de um novo aterro”, explicou o Prefeito Joaquim Neto.

Além de aumentar a vida útil do espaço destinado para o descarte de resíduos sólidos produzidos pela população, a medida tem o intuito de manter o aterro funcionando de acordo com as normas técnicas estabelecidas pelas entidades e órgãos ambientais. A construção de mais uma célula, que consiste em mais um espaço físico para o aterramento de mais lixo, também passa pelo processo de impermeabilização, que impede o contato do material com o solo, para evitar qualquer tipo de contaminação, além do procedimento de drenagem, para que todo o chorume, resíduo líquido formado a partir da decomposição do lixo, seja canalizado para local apropriado. O Secretário de Infraestrutura, Euclides Gomes, ressalta a necessidade de que projetos como este sejam realizados na cidade.

“É de extrema importância assegurar a colocação dos resíduos sólidos do município num local seguro, adequado e tecnicamente correto. Esse é um passo muito importante, realizado pelo engenheiro ambiental, Emerson Willia, e orientado pelo Prefeito Joaquim Neto”, enfatizou.

 

“Em 2019, realizamos diversos serviços no aterro para amenizar os problemas causados pela falta de manutenção do espaço nos anos anteriores, em outras gestões. Agora, estamos preparando a frente de operações e, consequentemente, expandindo o local para oferecer uma melhor qualidade no serviço”, registrou Emerson Willia.

Last modified: 30 de outubro de 2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Skip to content