Plano Municipal de Educação: Prefeitura reúne gestores da rede privada para debater as metas educacionais do município

22 de julho de 2019

Fotos: Ricardo Labastier/ SECOM Gravatá

Na tarde desta segunda-feira (22), a Prefeitura de Gravatá, através da Secretaria de Educação, reuniu, na própria sede da secretaria, os gestores das escolas da rede privada do município a fim de debater e discutir estratégias para o cumprimento das metas educacionais estabelecidas pelo Plano Municipal de Educação – (PME) de Gravatá.

“Convocamos hoje as escolas privadas, para que possamos, a partir de uma conversa, ficar a par do atendimento que elas oferecem, a quem oferecem e de que maneira oferecem, buscando alternativas para que elas cumpram as metas determinadas pelo nosso PME, em conjunto com as escolas, tanto municipais, quanto estaduais, visando a melhoria da educação de toda a população gravataense”, explicou Cátia Cardoso, Assessora Técnica da Secretaria de Educação.

Dentre os assuntos abordados, foram destacados os planos de ação para o alcance das metas de expansão da alfabetização e do ensino da Educação Infantil no município. Além disso, foram apresentados para os gestores os objetivos e a relevância do plano para toda a rede de ensino da cidade, de modo que os presentes puderam tirar dúvidas, bem como, se inteirar mais sobre as diretrizes estabelecidas. 

“Esse plano precisa ser monitorado por todos os que fazem a educação em Gravatá anualmente, para que saibamos em que pontos estamos avançando e em quais precisamos ter maior atenção, com o intuito de que todos os objetivos sejam atingidos. Através dessa reunião, queremos traçar um perfil dos alunos gravataenses, através de dados importantes como a relação entre idade e escolaridade, por exemplo. A partir disso, podemos enxergar como anda a educação da cidade, para assim, poder realizar melhorias onde for necessário,” acrescentou Fabiana Melo, Coordenadora do PME.

Rosineide Mendes, gestora da Escola Mundo das Letras, participou do encontro e disse que achou a iniciativa importante para o ensino de uma maneira geral.

“A reunião foi muito importante, porque o plano abrange toda a educação da cidade. Todas as escolas precisam ter essa interação, afinal, a educação é uma só, independente da rede de ensino,” falou.

Os planos municipais e estaduais de educação são documentos que norteiam todos os aspectos da educação das cidades, Distrito Federal e estados, em todas as redes, através do estabelecimento de metas e estratégias, que devem estar em consonância com o Plano Nacional de Educação – (PNE), mas respeitando as características e especificidades de cada lugar.

Sendo formulado, avaliado e atualizado a cada 10 anos, tanto o PME, quanto o PNE vigentes foram elaborados no ano de 2014 e deverão apresentar as metas já alcançadas para esse período no ano de 2024, momento em que todo o país se reúne em conferências para a análise dos dados atingidos e formulação de novas metas.

Last modified: 22 de julho de 2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Skip to content