Ônibus Lilás: mulheres de Mandacaru e Uruçu-Mirim recebem cuidados especiais nesta quinta-feira (14)

14 de fevereiro de 2019

Fotos: Bruna Oliveira/ SECOM- Gravatá

Com o apoio das Secretarias da Mulher, da Saúde e de Assistência Social, os distritos de Uruçu-Mirim e Mandacaru receberam nesta quinta-feira (14) a visita do Ônibus Lilás, que levou para as mulheres das comunidades cortes de cabelo, cuidados com a saúde, aula de empreendedorismo e palestras sobre direitos da mulher, violência doméstica e a Lei Maria da Penha.

Em Uruçu-Mirim, o evento aconteceu pela amanhã em frente à Unidade de Saúde da Família do distrito. À tarde, foi a vez das mulheres de Mandacaru receberem a visita, que também contou com uma equipe de recreadores para os filhos das mães que estavam presentes na ação que ocorreu na praça pública.

A Secretária da Mulher, Taciana Medeiros, diz que ficou muito feliz em participar da ação de hoje.

“As mulheres participaram de atividades que tiveram o objetivo de orientar sobre tipos de violência contra a mulher, direitos, empoderamento feminino e a Lei Maria da Penha. Essa ação foi muito importante para nós e para a nossa cidade. Que o Ônibus Lilás continue rodando por outras cidades para ajudar a quem precisa. Fico muito feliz de ter participado desse momento hoje,” ressaltou.

A moradora de Uruçu-Mirim, Maria da Silva, conhecida como “Gabi”, fala que gostou muito do apoio e atenção de todos os envolvidos no evento durante a visita do ônibus.

“Gostei muito de o Ônibus Lilás ter vindo pra cá hoje. E achei muito bom a participação e o apoio de toda a equipe, com todas as mulheres que estavam presentes”, falou.

“Participei de uma palestra muito boa e ainda aproveitei o corte de cabelo. O dia foi muito produtivo para as mulheres daqui da zona rural. Estou feliz de ter vindo. É bom se sentir valorizada,” destacou Joselma, outra moradora de Uruçu-Mirim.

O projeto do Ônibus Lilás faz parte do Pacto Nacional pelo Enfrentamento à Violência Contra a Mulher, criado em 2007 pelo Governo Federal e ampliado pela criação do Programa “Mulher: Viver Sem Violência” em 2013.

É uma ação complementar, que conta com a parceria dos governos estaduais e municipais para atender mulheres que necessitam de apoio, já que o intuito do ônibus é buscar a aproximação com quem vive em cidades menores.

O veículo, que presta atendimento móvel nas áreas rurais, conta com equipes especializadas para orientar sobre os direitos da mulher, violência doméstica, bem como, divulga os serviços públicos existentes em assistência social, além de promover ações voltadas para a saúde e beleza da mulher.

Last modified: 14 de fevereiro de 2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Skip to content