Mais investimentos na educação: Alunos da rede municipal recebem melhorias para o ano de 2019

29 de janeiro de 2019

Foto: Bruna Oliveira/SECOM Gravatá

Com o início do ano letivo no dia 4 de fevereiro, a Prefeitura de Gravatá, através da Secretaria de Educação, entregará já na primeira semana de aula fardamentos escolares para todos os alunos da rede municipal de ensino. Além disso, novas carteiras e utensílios de cozinha serão distribuídos entre as escolas. Os investimentos proporcionam o bom rendimento escolar dos estudantes e a melhoria na produção de merenda.

No ano de 2018, os alunos ganharam um kit de fardamentos e no início deste ano receberão mais um. O intuito é garantir que os estudantes tenham uma farda reserva e sejam identificados. Entre os novos utensílios de cozinha estão incluídos panelas, pratos, copos, talheres e eletrodomésticos que serão distribuídos entre algumas escolas. Uma parceria entre o município e o Governo Federal garantiu que  novas carteiras fossem adquiridas e entregues ainda esse ano.

A Secretária de Educação, Iris Dias, disse que a entrega desses materiais são prioridade na gestão e fala sobre a importância desses investimentos.

Foto: Bruna Oliveira/SECOM Gravatá

“Fizemos os pedidos antes do fim do prazo para que tudo chegue na data prevista, conforme planejamos, já no início do ano letivo de 2019. Estamos empenhados em dar a melhor educação e uma boa estrutura para as crianças e jovens gravataenses,” completou.

Uma das novidades deste ano é que agora os motoristas de ônibus contarão com um fardamento, que objetiva uma melhor identificação e segurança para os alunos.

Ao todo, nos anos de 2018 e 2019 foram investidos cerca de 455 mil reais em fardamentos para os estudantes das zonas urbana e rural. Em 2018, aproximadamente 28 mil reais foram convertidos para utensílios de cozinha. As carteiras e utensílios serão renovados este ano devido ao investimento de mais de 576 mil reais. Além disso, foram aplicados 48 mil em acessibilidade, e três escolas receberão reformas para que os alunos com deficiência se adaptem melhor ao ambiente escolar.

Last modified: 31 de janeiro de 2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Skip to content