FESTA DE REIS: PREFEITO EXPLICA EM COLETIVA O CANCELAMENTO DOS SHOWS

4 de janeiro de 2017

primeiracoletiva14

O prefeito Joaquim Neto convocou entrevista coletiva,  na manha dessa quinta(4), para expor os motivos de cancelamento da programação de shows da Festa de Reis, evento tradicional do município que neste ano contará somente com a parte religiosa. Além da imprensa, secretários municipais, empresários do ramos hoteleiro, representantes da Igreja e   da Associação Comercial foram convocados e participaram da coletiva.  

O prefeito junto ao secretário de Turismo Romero, ressaltaram que já estavam com a grade programação toda montada, mas foram surpreendidos pela falta do orçamento  da prefeitura, o que impossibilita a realização de despesas desse porte. Estavam previstos shows com Adilson Ramos, Elder & Rodrigo, Calcinha Preta, Tati Vaqueira, Instinto Selvagem, Capim com Mel, entre outros.

“É lamentável essa falta de sensibilidade da Intervenção com as tradições do município. Deixou a cidade sem o orçamento já sabendo desse evento que movimenta o turismo e gera renda para a população de Gravatá. Vamos perder agora, mas já estamos trabalhando na programação do Carnaval, que será uma grande festa que vai movimentar a economia do município”, afirmou o prefeito.

O secretário de turismo, disse que já conta com o aval do prefeito para cumprir o desafio de ser o primeiro município do Estado a lançar a programação de Carnaval este ano. E adiantou que a grade será diversificada com eventos de jazz, frevo e carnaval de rua.

“Vamos lançar antecipadamente para que todos os empresários envolvidos com o turismo na cidade possam se programar, e assim aquecer o turismo nesse período” disse.

Para os empresários do setor hoteleiro, essa reunião foi um  marco, a volta da integração entre a prefeitura e o setor, que reclamou da falta de atenção  nos últimos oito anos.

“Estávamos esquecidos, tentamos de todas formas uma integração e fomos ignorados”, disse a empresária Ana Lúcia do Spa Oásis.

 

“Elaboramos junto Conselho Municipal de Turismo, um documento  com 90 sugestões para dinamizar o setor, entregamos ao gestores e sequer fomos chamados para conversar. Hoje o turista chega à Gravatá e não tem o que fazer, temos que inventar e muitas vezes mandar para outros municípios”, afirmou Eduardo Cavalcanti do Hotel Portal de Gravatá.

Ao finalizar a reunião/coletiva, o prefeito falou que já está trabalhando para revigorar o mais rápido possível o turismo. Para isso está movimentando toda a equipe envolvida no setor e deve chegar à cidade no próximo dia 6, um consultor especialista em turismo que já desenvolveu projetos muito bem sucedidos em outras cidades, a exemplo de Gramado, que tem um fluxo turístico intenso  durante o ano inteiro.

Last modified: 22 de janeiro de 2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *