Educação em Saúde Ambiental: Qualidade da água será tema de capacitação

29 de agosto de 2017

Fotos: Anderson Souza / SECOM Gravatá

Foi realizado na manhã desta terça (29) um encontro entre representantes da FUNASA (Fundação Nacional de Saúde) e das Secretarias de Saúde, Educação, Infraestrutura e Meio Ambiente, para articular projetos de educação ambiental em Gravatá.

Nos anos de 2013 e 2014 o município foi contemplado com 202 cisternas em regiões da Zona Rural, e para oferecer um melhor serviço na qualidade da água, será realizada uma oficina de capacitação com técnicos, agentes de saúde, líderes comunitários, gestores e professores, que terão o papel de  multiplicador o conhecimento adquirido.

A Educadora em Saúde da FUNASA, Ana Beatriz Leite, destacou a educação ambiental como umas das principais responsáveis pela melhoria na saúde pública.

“Nosso objetivo é agregar a educação ao controle da qualidade da água. Uma população consciente e que cuida da água de consumo da sua família consegue evitar a proliferação de mosquitos, larvas e outros agentes que ocasionam inúmeras doenças.” 

Pietra Lemos, Assistente da Vigilância Ambiental do Município destacou a participação popular como fundamental no combate à endemias.

“Tão importante quanto profissionais capacitados é ter a população informada, auxiliando e fiscalizando o trabalho oferecido e o que está sendo consumido. Vamos aproveitar esta oficina para obter conhecimentos e multiplicar em nosso município, melhorando a qualidade do serviço ofertado.”

A capacitação será realizada nos dias 21 e 22 de novembro com conteúdo teórico e prático, tendo no cronograma visitas a Unidades de Saúde da Família, escolas e residências.

 

Last modified: 29 de agosto de 2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *