Câmara Federal debaterá projeto Cidade Pacífica em operação em Gravatá

11 de setembro de 2019


A Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado da Câmara Federal realizará audiência pública, em Brasília, para discutir o Programa Cidade Pacífica, criado pelo Ministério Público de Pernambuco. A solicitação de audiência foi do deputado federal Eduardo da Fonte.

Atualmente, a cidade de Gravatá é considerada a primeira no ranking do Programa Cidade Pacífica, entre 73 municípios. O título foi concedido no dia 05 de setembro pelo Ministério Público do Estado.

“Ficamos muito felizes com o resultado e mais ainda por saber que vamos levar um assunto tão importante para discussão na Câmara Federal. Nossa cidade está unida em uma mesma missão e esse é o grande diferencial,” afirmou o prefeito Joaquim Neto.

Criado em 2018, o Cidade Pacífica tem o objetivo de promover ações de combate à violência nos municípios pernambucanos em nove eixos como guarda municipal; iluminação pública; segurança nos estabelecimentos comerciais/bancários; proteção integrada nas escolas; empresas solidárias, transporte pacificador e pacificação de bares e similares (Operação Bar Seguro).

Foram convidados para a audiência o prefeito de Gravatá, Joaquim Neto; o procurador geral de justiça de Pernambuco, Francisco Dirceu Barros; o ministro da Justiça, Sérgio Moro, a procuradora-geral da República, Raquel Dodge; além de representantes do Conselho Nacional do Ministério Público e do Conselho Nacional de Justiça. A audiência será realizada até outubro.

Last modified: 11 de setembro de 2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Skip to content