Agentes comunitários de saúde participam de capacitação sobre arbovirose nesta quarta (18)

18 de setembro de 2019

Fotos: Bruno Santan/ SECOM Gravatá

A Prefeitura de Gravatá, através da Secretaria de Saúde, promoveu na manhã desta quarta-feira (18) uma capacitação sobre arbovirose para os agentes comunitários de saúde do município. O evento foi realizado no auditório da Secretaria de Educação.

Durante o encontro, a Coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Alyne Lima, apresentou dados e boletins do estado de Pernambuco sobre os índices de proliferação de doenças causadas por arbovírus, como a dengue, por exemplo. Além disso, os agentes se atualizaram quanto às instruções que são passadas para a população com o intuito de combater a reprodução de insetos transmissores dessas doenças, como o mosquito Aedes aegypti.

“Tivemos a necessidade de realizar essa capacitação diante do cenário do nosso país, que, neste momento, já apresenta alguns estados com um índice alarmante de infestação de dengue e de outras arboviroses,” explicou Rodrigo Leal, Assessor da Vigilância Ambiental.

“Esse é um dos períodos mais cruciais para a proliferação do mosquito que causa arboviroses, como a dengue, zika e chikungunya. Essa atualização de conhecimentos com os nossos agentes ajuda no combate dessas doenças, pois eles atuam diretamente com a comunidade, levando informações e evitando que sejam criados ambientes férteis para que os mosquitos possam se reproduzir,” acrescentou Tatiana Fradique, a Presidente da Associação dos Agentes Comunitários de Saúde de Gravatá.

O agente José Heleno, que atua no distrito de São Severino, ressaltou a importância de formações como essas, que acontecem regularmente no município.

“Nós sabemos que não é só a população da zona urbana que precisa dessa prevenção, mas também a da zona rural. Ao participar desses encontros, podemos passar com mais facilidade as informações para os moradores. Temos que ter bastante cuidado, principalmente, nessa mudança climática daqui, já que fica muito propício para o mosquito ovular e continuar o ciclo. Todo cuidado é pouco,” enfatizou.

De acordo com o calendário da Secretaria de Saúde, um novo encontro será realizado no mês de outubro para dar continuidade ao processo de capacitação sobre endemias.

Para saber mais sobre as arboviroses, acesse: https://www-minhavida-com-br.cdn.ampproject.org/v/s/www.minhavida.com.br/amp/saude/temas/arboviroses?amp_js_v=a2&_gsa=1&usqp=mq331AQGCAAoAXAB#aoh=15688250823578&_ct=1568824657579&csi=1&referrer=https%3A%2F%2Fwww.google.com&_tf=Fonte%3A%20%251%24s&share=https%3A%2F%2Fwww.minhavida.com.br%2Fsaude%2Ftemas%2Farboviroses

Last modified: 18 de setembro de 2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Skip to content